Como escolher um espremedor de laranja


Por Fabiane Del Nero

Atualizado em

 

O suco de laranja natural é uma bebida saborosa, que faz bem para a saúde, e para prepará-la nada melhor do que um espremedor de laranja ou juicer.

Assim, para conseguir usufruir de tudo isso, é preciso fazer a escolha certa, já que existem opções com as mais variadas potências, funcionalidades, materiais e muito mais.

Para que você não erre na compra, te explicamos a seguir quais são os critérios que devem ser avaliados em um espremedor de laranjas. 

Principais aspectos para escolher um espremedor de laranjas

1. Potência

A potência é um dos fatores mais importantes, quando se fala na eficiência de um espremedor de laranja. Isso porque, quanto maior ela for, mais rapidamente a carambola  - nome dado à peça devido ao seu formato -  irá girar e mais rapidamente o suco será extraído da fruta.

No geral, a potência deste produto varia entre 35 e 250 watts, mas modelos industriais podem passar disso. 

Pensando em um uso doméstico, quem costuma preparar uma grande quantidade de suco por vez deve priorizar as opções com potência a partir de 150 watts, sendo que as de 250 watts são melhores.

Para o preparo de um ou dois copos, os modelos menos potentes suprem bem a necessidade, mas será preciso um esforço maior na hora de espremer as frutas. 

2. Material

O material em que o espremedor de laranja é fabricado é outro ponto de atenção relacionado à sua durabilidade e resistência. Muitos modelos são confeccionados em plástico, matéria-prima mais barata e com custo menor. A desvantagem é que esse material por ter uma durabilidade menor pode sofrer um desgaste devido à umidade, calor e ao ácido das frutas, capaz de corroer a superfície plástica.

Por outro lado, existem as opções feitas em aço inoxidável, mais caras, porém mais resistentes e duradouras. O aço tem uma grande facilidade de limpeza e consegue deixar os espremedores com um visual mais bonito e sofisticado, somando na estética da cozinha.

Menos comuns, também existem os que são feitos em cerâmica ou vidro. Mais requintados, porém existem em poucos modelos e são caros. 

3. Capacidade da jarra

Todo espremedor de laranja apresenta uma capacidade de produção de suco e é necessário avaliar isso de acordo com o seu consumo.

Os modelos menores e mais compactos normalmente vêm com jarras com capacidade máxima de 500 ml e conseguem preparar entre um ou dois copos de suco por vez.

As versões medianas são as que possuem jarras maiores, com capacidade de até 1,5 litros, e já servem para uma família de 4 pessoas, em média.

Agora se você precisa de um espremedor que consiga produzir mais do que isso, então, os industriais são os mais recomendados, pois normalmente conseguem preparar 2 ou mais litros de uma vez só.

4. Acionamento

Quando se fala em espremedor de laranja elétrico é possível encontrar modelos com três formas de acionamento: automático, por pressão ou por botão.

As opções automáticas são aquelas no qual basta ligar o produto na tomada para que a sua carambola comece a girar. Essas requerem pouco esforço e são muito práticas.

Os modelos com funcionamento através de pressão somente começam a girar a carambola quando sentem a pressão da fruta sobre a sua superfície. Para preparar o suco com eles é preciso um pouco de força do usuário.

Já os modelos com acionamento por botão, mesmo que estejam conectados na tomada, não irão funcionar até que sejam ligados pelo botão. Esses costumam espremer mais rápido as frutas e alguns contam até com uma haste que facilita esse processo.

5. Extrator

Normalmente os espremedores podem ser utilizados para espremer laranjas ou limões. Mas para que isso ocorra de maneira eficiente é necessário que tenham extratores que se adaptem a essas frutas.

Muitas opções vêm com duas carambolas, também chamadas de cones, de tamanhos diferentes. Assim, pode-se escolher a mais adequada para a fruta que será espremida.

Porém, isso não é comum em todos os modelos, então se você deseja fazer sucos dessas duas frutas dê preferência aos que vêm com carambolas específicas para limão e laranja.

6. Nível de barulho

Uma das poucas desvantagens do espremedor de laranja é que ele costuma ser um produto relativamente barulhento. Isso não faz tanta diferença para quem o utiliza para produzir apenas um copo de suco, mas o uso intenso pode acabar incomodando.

Mas já podemos encontrar alguns modelos disponíveis no mercado mais silenciosos, e com certificado de baixa emissão de barulho. Portanto, caso isso seja algo importante para você dê preferência a eles.

7. Voltagem

Por último, não deixe de checar qual é a voltagem do modelo de espremedor de laranja escolhido. Nem todas as opções disponíveis para compra apresentam a facilidade de serem bivolt.

Por isso, deve-se sempre dar preferência para os que se adaptam à voltagem da tomada no qual estarão conectados. Assim, não há risco de queimar o aparelho logo no primeiro uso.

Fabiane Del Nero

Fabi, uma das fundadoras do projeto Seletos, é apaixonada por tecnologia, novidade, criatividade e inovação. E encara esse desafio a 100%. Dona de uma opinião direta e sincera, agrega valor e conteúdo de qualidade ao projeto Seletos.

Você tem alguma dúvida? Sugestão? 

Deixe seu comentário para nossa equipe.

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>
error: Alert:O conteúdo está protegido !!